sexta-feira, 2 de março de 2012

FÉNIX DO ATLÂNTICO


"(...) não há verdadeira liberdade sem responsabilidade. O blogue "Fénix do Atlântico" será um parceiro empenhado entre quantos amam a liberdade. Mas recusará em absoluto protagonizar ou veicular a prática da calúnia, do enxovalho ou da ofensa gratuita a que se assiste hoje, se bem que em reacção aos esquálidos exemplos comportamentais que diariamente vêm "de cima", aqui na Região".


O Jornalista LUIS CALISTO entrou hoje na blogosfera com um sugestivo título: Fénix do Atlântico - Um dia a Madeira também renascerá das cinzas. Passei pelo sítio (www.fenixdoatlantico.blogspot.com), ainda em construção, e apenas sublinho: bem vindo! Gostei do seu enquadramento inicial que aqui deixo.
"A expressão do pensamento em público deve ser um acto livre. Em Portugal, 48 anos de censura chegaram para mostrar quão importante é combater qualquer tentativa de regresso ao passado, a essa dolorosa época de trevas. Hoje, raros são os casos de asfixia mental, respira-se liberdade em todo o país - salvaguardada evidentemente uma excepção conhecida, chamada Região Autónoma da Madeira. Está na memória de todos o que já aconteceu aos madeirenses que tentaram erguer a voz contra o regime totalitário encabeçado por um demagogo estilo latino-americano ainda barricado na Quinta Vigia, aliás "das Angústias".
No entanto, não há verdadeira liberdade sem responsabilidade. O blogue "Fénix do Atlântico" será um parceiro empenhado entre quantos amam a liberdade. Mas recusará em absoluto protagonizar ou veicular a prática da calúnia, do enxovalho ou da ofensa gratuita a que se assiste hoje, se bem que em reacção aos esquálidos exemplos comportamentais que diariamente vêm "de cima", aqui na Região. Muito menos daremos voz à cobardia do anonimato muito em voga precisamente neste vastíssimo campo da blogosfera. Quem tece denúncias graves deve fazê-lo à vista, para provar o que diz, se for o caso.
Damos cabal importância a este aspecto, a ponto de colocarmos a presente declaração no topo da página.
Sejam todos bem-vindos com os vossos comentários, críticas e histórias, ajudem a despejar o balde de água fria sobre o estado regional de hibernação profunda que nos envergonha perante as anteriores e as futuras gerações".
Ilustração: Google Imagens.

Sem comentários: