terça-feira, 25 de março de 2014

TRIBUTO A PAULO CAMACHO


"O maior de todos", sintetiza o Diário de Notícias de hoje, numa entrevista conduzida por Herberto Duarte Pereira. De facto, Paulo Camacho, foi um nadador extraordinário. Tenho saudades desse tempo, de vê-lo nadar, pela sua apurada técnica, pela sua capacidade física, pelo empenho que demonstrava e pela concentração antes das competições. Quando se pensava que uma prova estava perdida, lutava e ganhava. Julgo que o seu melhor registo foi 56''78 centésimos nos 100 metros mariposa e que foi recorde nacional absoluto. Uma marca que lhe garantiu a presença no Campeonato do Mundo. Melhor que os 57'' que o apurou para os Jogos Olímpicos de Seoul. Foi o nadador mais completo de Portugal quer em juniores quer ao nível absoluto. Viajou por todos os Continentes integrado na selecção nacional, numa altura que, por aqui, as condições de treino eram quase nulas. Deixo aqui duas fotos: a primeira, dos arquivos do DN; a segunda, um fantástico óleo do Doutor Rui Carita e que serviu de capa ao jornal "Os Delfins" do Clube Naval do Funchal. Parabéns do DN por ter relembrado os seus feitos.  

 

No mesmo período, uma outra nadadora, Carla Patrícia, internacional, durante dez anos maravilhou quem a viu nadar. Conquistou 42 títulos de campeã nacional, 75 medalhas nacionais, 44 medalhas em meeting's internacionais, título de melhor nadadora dos meeting´s de Lisboa e Porto (1984 e 1985) entre tantos outros feitos.

Sem comentários: