sexta-feira, 3 de outubro de 2014

PAULO MARTINS MORREU. FICA A MEMÓRIA DE UM GRANDE DEMOCRATA.



Uma só frase: fez da sua vida um apelo permanente às questões sociais, no essencial, um combate permanente pela felicidade dos outros. Que descanse em paz e um beijo à sua mulher Guida Vieira e filha. Morreu um grande democrata.

Sem comentários: