domingo, 1 de março de 2015

FORTALEZA DO PICO


Trago em memória o meu "quintal" tantas foram as vezes que por ali andei. Antes da "escola primária", aos sete anos, os meus pais colocaram-me uma parte do dia na escola particular da Professora Leocádia e do Professor Gouveia. Ficava ali na Rua do Castelo a 50 metros do portão da fortaleza. O espaço deslumbrava-me. 
Há sete meses, com pompa e circunstância, a fortaleza passou para a responsabilidade da Região. O trabalho do jornalista do DN-Madeira, Nélio Gomes, sobre o estado de abandono que se verificou desde então, envergonha qualquer madeirense. Vale a pena ler o essencial desse trabalho em: http://www.dnoticias.pt/…/501638-fortaleza-do-pico-vandaliz…
Vândalos não são apenas aqueles que ali vão e arruínam o património; vândalos também são todos aqueles que, tendo responsabilidades governativas e de preservação do legado histórico, permitem a degradação. Inqualificável!
Ilustração: Google Imagens.

Sem comentários: