sábado, 3 de outubro de 2015

REFLECTIR O QUÊ? TALVEZ SE JUSTIFIQUE UMA REFLEXÃO SOBRE O PRESIDENTE DA REPÚBLICA!


O Professor Doutor Cavaco Silva, passados quase dez anos, ainda não se apercebeu que já tomou posse do cargo de Presidente da República. E que tem um mandato maioritário do povo português. Em nome do Estado, os seus assessores deveriam sensibilizá-lo para as suas responsabilidades. 



Faltar às comemorações do 05 de Outubro, segundo um comunicado, tendo por base a justificação que precisa de "se concentrar na reflexão sobre as decisões que terá de tomar nos próximos dias", constitui uma atitude própria de quem não está bem (politicamente) e que precisa de ajuda. Que assim seja, em nome da solidariedade, da tolerância, da compreensão, avisem-no, nem que seja através de um desenho, que o 05 de Outubro é o DIA DA IMPLANTAÇÃO DA REPÚBLICA. E que ele representa a República. Se não gosta, sugira uma alteração Constitucional que venha a possibilitar um referendo entre a República e a Monarquia. Argumentar com essa treta de uma hipotética reflexão sobre as decisões a tomar decorrentes do acto eleitoral de amanhã, parece-me incompreensível e desprezível. Trata-se de uma grosseira mentira, pois há muito que de Belém se conhecem os vários cenários possíveis.
Ou será que o Presidente não precisa de qualquer chamada de atenção, apenas tem MEDO de se apresentar na Praça do Município e, eventualmente, ser visado pelo Povo que costuma encher a Praça? Como se o Povo não soubesse respeitar as instituições... Seja como for nem a terminar o mandato tem um pingo de respeito por quem o elegeu e no quadro Constitucional em que foi eleito. 
Ilustração: Google Imagens.

Sem comentários: