sábado, 14 de janeiro de 2017

AGÊNCIAS DE EMPREGO OU O ESPELHO QUE MENTE!


FACTO

“Será a FrenteMar Funchal uma agência de emprego para os amigos do senhor presidente da Câmara? Quererá o senhor presidente da Câmara fazer da FrenteMar Funchal um offshore das suas nomeações políticas? Questões que João Paulo Marques deixou, esta manhã, numa conferência do PSD junto à sede da empresa municipal, noticia o DN-Madeira. (http://www.dnoticias.pt/madeira/sera-a-frentemar-uma-agencia-de-emprego-para-os-amigos-de-cafofo-YE745735

PERGUNTA

A resposta, caso assim entendam, pertence ao actual executivo da Câmara do Funchal. Enquanto cidadão, quando li, perpassaram-me tantas perguntas. Uma delas: por agência de emprego político, quem, desde há 40 anos, governamentalizou tudo, "colocando os seus", desde a Assembleia, serviços do governo, autarquias, casas do povo, associações e até clubes?
Ilustração: Google Imagens.

4 comentários:

Anónimo disse...

Caro Professor,
É realmente estranho ser o PSD a levantar este problema. Mas o Professor André Escórcio também não deixará de reconhecer que a Mudança não se fez para tirar da CMF o PSD para pôr lá um político (Paulo Cafôfo) que faz exactamente o mesmo, ou seja, utiliza a empresa municipal para dar emprego aos seus amigos e correlegionários. Se não há nada a temer, por que razão esconde a lista de funcionários admitidos na Frente Mar?

João André Escórcio disse...

Obrigado pelo seu comentário. Confesso, com toda a sinceridade, que da vida interna da Câmara do Funchal, nada sei. Ou melhor, conheço o que é publicado na Comunicação Social.

Anónimo disse...

O Professor André Escórcio, porventura involuntariamente, tocou num ponto sensível da questão. É que excluindo aquilo que sai na Comunicação Social (ou seja, aquilo que o Gabinete da Presidência da CMF remete para a Comunicação Social) pouco ou nada se sabe sobre a vida da principal autarquia da Madeira. Não acha estranho a empresa FrenteMar Funchal andar a meter gente nos quadros e ninguém saber quem são essas pessoas e como foram contratadas? Poder-me-á dizer que outros fazem o mesmo. Certamente. Mas não foi isso que o actual presidente da CMF prometeu. Ele prometeu Mudança. Mudança não apenas das moscas...

João André Escórcio disse...

Obrigado pelo seu comentário. Obviamente que tudo deverá ser transparente. Mas, como lhe disse, estou completamente alheio à administração e gestão da autarquia, pelo que não me atrevo a qualquer comentário.