quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

GOVERNANTES OBCECADOS POR CARLOS PEREIRA


Desde há muitas semanas que o governo regional da Madeira parece obcecado pela figura do Dr. Carlos Pereira. Basta o presidente do PS-Madeira abrir a boca ou escrever um texto de análise política e zás, o governo perde uma manhã ou uma tarde para engendrar uma resposta. O governo comporta-se como oposição, de comunicado em comunicado. Dá a entender que governa em insegurança permanente, que não está confiante nas atitudes e opções que toma. Agora foi o hospital, misturando alhos com bugalhos, como se tivesse alguma legitimidade para dele falar, quando revela uma história muito triste, de avanços e de recuos desde o início de 2000! E com alguma latinha à mistura quando fala de uma tentativa de "baralhar a opinião pública". Mas quem anda a "baralhar" há tantos anos? Max, no seu fado 31, não diria melhor... "o meu sargento baralhoua"

Até o Secretário das Finanças, ele que teve responsabilidades políticas nos anteriores governos, agora, também levanta a voz. Com que então... a República é que manda nisto! E a Autonomia onde pára? Não existe ou serve apenas para esgrimir o supérfluo, a conversa de treta? Já passou meio mandato, meus senhores. É tempo de assumirem responsabilidades, porque de comunicados o povo está farto. O Senhor Secretário, aliás, todos, deveriam ler o livro de Carlos Pereira: A Herança. Está tudo lá! Lendo e relendo, certamente, perceberiam quem andou e anda a "baralhar".

Sem comentários: